O genograma é a representação gráfica de uma família por meio de símbolos convencionados. É um instrumento utilizado por profissionais em abordagens familiares na Atenção Primária à Saúde (APS) tanto no campo da assistência, como no da pesquisa. A estrutura é capaz de identificar e retratar a dinâmica familiar com seus padrões de relacionamentos e conflitos, doenças, ligações pessoais e sociais, entre outras peculiaridades do gênero.

Essa representação tem sido utilizada em ambientes clínicos desde 1985, quando foi popularizada por Monica Goldrick e Randy Gerson. Historicamente, os profissionais desenham os genogramas manualmente e os arquivam no prontuário do paciente. As figuras desenhadas, porém, nem sempre ficam muito claras, e o uso de papel torna a alteração e compartilhamento do genograma difíceis.

Neste contexto, o Núcleo de Educação em Saúde Coletiva (Nescon) da Faculdade de Medicina da UFMG, em parceria com o Departamento de Ciência da Computação da UFMG, desenvolveu o projeto Álbum de Família. Trata-se de um aplicativo elaborado com o intuito de facilitar a criação e manipulação de genogramas em formato eletrônico.

A idéia é auxiliar profissionais da área de saúde na sua prática diária,bem como oferecer-lhes uma ferramenta de apoio em seu processo de educação permanente.

Qualquer pessoa pode se cadastrar no sistema e criar o genograma de uma família gratuitamente.

Divulgue a idéia!